Areia

Arrastei-me escadas abaixo, com as pernas doridas, sentindo o cheiro desta Primavera eterna que me rodeia. Era de noite, não se via bem o rubor nas bochechas e o desalinho do cabelo. Respirei fundo como se pudesse reiniciar com isso o meu sistema, começar outra vez, palpar sentimentos nesse segundo de lucidez em que o ar estoirava nos pulmões. Caminhei sem dar bem conta do chão, porque o caminho é sempre o mesmo e talvez me perdesse se pensasse nele. Olhei para os dois lados da rua, que estaria em silêncio não fossem os sistemas de rega pulsando sem vergonha nos pequenos jardins de entrada. Estas entradas, tão americanas, tão falsas e tão puras, tão cheias daquilo que eu não consigo ter. Olhei para as flores lilás espalhadas pelo passeio e soube que sinto a falta do que deixei para trás, e que não conseguirei alguma vez reconciliar esta falta imensa com a satisfação do que está à minha frente.

IMG_3586_2

Ocorreu-me que sentiria falta deste futuro se não tivesse optado por ele, também. Não haveria maneira de me satisfazer ficando, como não há maneira de curar esta falta agora que estou longe. Fiz o caminho para casa, teimosamente a pé, na cidade onde ninguém caminha, suspirando pelo ar de Lisboa e agradecendo silenciosamente pelo cheiro de Los Angeles. Há tantas flores no caminho que faço para casa. Há tantas vivendas que me parecem um sonho, e perguntei-me se algum dia teria um sistema de rega a fazer barulho na noite calma. Um dia, se o tiver, vou suspirar pela próxima coisa que me faltar. 

É uma desgraça e uma bênção, este horror ao estado das coisas imutáveis que convive com a nostalgia do passado que se foi. Não quero que as coisas mudem, mas tenho pavor de que fiquem iguais, eu aqui cristalizada, a acumular dias no mesmo lugar, a olhar pela janela como se o mundo estivesse noutro lugar. O mundo está sempre no grão de areia que deixei escapar, naquele que se foi pelos dedos, único e insondável, melhor que todos os outros que me ficaram na mão.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s